sábado, julho 22, 2017

Muito trabalho pela frente e muitas lacunas para colmatar

Mais um jogo da pré-época que vem provar que o plantel está bastante desequilibrado e apresenta lacunas graves em algumas posições. Na lateral direita, apesar do jogo certinho de Buta, vê-se que ainda é um jogador muito verdinho precisando a equipa de um lateral de créditos firmados que acrescente qualidade ao onze; na posição 8 também não temos alternativa ao Pizzi (se o homem se lesiona é o cabo dos trabalhos). E já nem falo do guarda-redes pois salta à vista de todos que Júlio César não tem condições para se assumir como o titular da baliza, restando saber se vai chegar alguém que dê mais garantias do que o brasileiro. Os próximos testes em Inglaterra vão poder avaliar com mais propriedade o valor do atual plantel. Neste momento, depois do que já vimos, há claros motivos para estarmos preocupados.

segunda-feira, julho 17, 2017

Excelente contratação

Excelente contratação para a equipa de Basquetebol do Benfica. José Silva é um dos melhores basquetebolistas portugueses e ainda por cima é uma baixa no principal rival, o que não é uma questão de somenos. Tendo em conta o plantel que já temos e caso acertemos na contratação dos jogadores estrangeiros, estou convicto que seremos o principal candidato ao título da próxima época.

domingo, julho 16, 2017

Gestão desportiva deplorável

O Benfica tem esta época a oportunidade única de conquistar o penta, algo que não pode ser desaproveitado, até porque tão cedo não voltará a tê-la. Infelizmente, Luís Filipe Vieira parece estar apostado noutro objetivo que é fazer o máximo de dinheiro com a venda dos melhores jogadores do plantel. Aliás, deve dizer-se, em abono da verdade, que esta tem sido a sua política desde há várias épocas. Do onze base já saíram três jogadores imprescindíveis, todos da defesa, e os resultados desta gestão desportiva já ontem se fizeram sentir. E a não ser que LFV contrate jogadores de real valor para colmatar as saídas e esta época tem todos os ingredientes para correr mal. Não é com Kalaica, Rúben Dias, Pedro Pereira e afins que conseguiremos atingir os nossos objetivos. O Benfica deve ser o único clube de topo que vende a cada 6 meses os seus melhores ativos. Não é possível uma gestão desportiva deste calibre que ainda por cima não consegue reduzir o passivo o que levanta uma série de suspeitas sobre para onde vai o dinheiro das transferências.